Entenda aqui o que é aromaterapia - Blog | Vinotage

Entenda aqui o que é aromaterapia

6 minutos para ler

Buscar qualidade de vida é — ou, pelo menos, devia ser — uma das prioridades de todos nós. Afinal, vivemos um dia a dia muito corrido e para mantermos nossa saúde física e mental, o investimento em estratégias de relaxamento é fundamental. Por isso, precisamos falar sobre a aromaterapia, uma ótima forma de trazer mais bem-estar para o nosso cotidiano.

A aromaterapia age por meio do estímulo de um dos sentidos mais importantes para os seres humanos: o olfato. Comumente negligenciado, especialmente em um mundo em que há uma constante estimulação visual e auditiva, ele tem um importante papel na regulação da saúde física e psicológica.

Porém, afinal, o que é a aromaterapia? Como ela funciona na prática e quais são os seus principais benefícios para a saúde? A seguir, discutiremos melhor esse tema e abordaremos as vantagens de investir nessa estratégia. Boa leitura!

O que é a aromaterapia?

De modo geral, a aromaterapia é um ramo da fitoterapia (ciência de utiliza plantas como tratamentos) que lida exclusivamente com o uso de óleos essenciais para ajudar na obtenção do equilíbrio de aspectos físicos e emocionais em nosso organismo.

Ela está englobada no grupo de terapias holísticas, ou seja, aquelas que observam o nosso corpo com uma visão mais abrangente e voltada para a solução de problemas utilizando também os campos emocionais. Ou seja, é uma terapia que não faz uso de fármacos e que não está focada apenas no tratamento de sintomas, mas sim na origem dos distúrbios.

Vale a pena ressaltar que a aromaterapia nunca deve ser utilizada como tratamento principal para qualquer situação. O acompanhamento médico é indispensável e essa terapia tem como objetivo a atuação coadjuvante, para potencializar o efeito terapêutico obtido com o protocolo médico.

Como ela pode ser feita?

A base da aromaterapia está no uso de óleos essenciais 100% puros, extraídos de vegetais que têm propriedades benéficas para o nosso organismo.

Embora normalmente ela seja feita por meio da inalação (utilizando o olfato, como mencionamos no início de nossa conversa), a pele também é outro meio para a absorção das substâncias. Por isso, ela pode ser feita também por meio de massagens e banhos com os óleos.

Por serem muito densos, os óleos precisam ser diluídos em outras substâncias lipídicas, conhecidas como óleos carreadores. A partir daí, podem ser aplicadas na pele com segurança. Já para a inalação, são utilizados difusores, que espalham o aroma pelo ambiente. Pingar uma gotinha do óleo em algum local, como o travesseiro, também é uma alternativa bacana.

Quais são os principais benefícios da aromaterapia para a saúde?

Agora, chegou o momento de discutirmos os principais benefícios da aromaterapia para a nossa saúde. Vamos lá?

Alivia o estresse

O estresse é um dos principais problemas de nossa sociedade atual e é responsável por causar uma série de doenças. Os óleos essenciais atuam diretamente no sistema nervoso, promovendo a sensação de relaxamento e nos deixando muito mais tranquilos.

Combate a ansiedade

Junto com a depressão, a ansiedade é outra doença muito comum. Utilizar a aromaterapia é uma ótima maneira de tornar os tratamentos médicos mais eficientes, já que os óleos promovem um relaxamento do sistema nervoso e equilibram o organismo.

Afasta a insônia

Tem problemas para dormir? Não se preocupe! A aromaterapia pode ajudar com essa situação. Pingar algumas gotinhas de óleo de lavanda ou utilizá-lo no difusor antes de dormir, por exemplo, pode ser uma ótima maneira de obter uma noite de sono com muito mais qualidade.

Nos deixa mais produtivos

Dormir melhor e ter menos estresse já são, por si só, ótimas formas de aumentar a energia e produtividade. No entanto, os óleos também ajudam a potencializar a concentração e o foco, fazendo com que possamos otimizar nosso desempenho nos estudos e no trabalho.

Ajuda na saúde do sistema respiratório

Se você vive em grandes centros, provavelmente lida diariamente com problemas respiratórios como alergias, rinite e sinusite. A inalação feita com óleos essenciais pode ajudar a descongestionar as vias aéreas, fazendo com que você respire muito mais e melhor.

Alivia dores musculares

Muitos óleos têm como propriedade o efeito anti-inflamatório ou vasodilatador, que envia mais sangue para certas áreas de nosso corpo, oxigenando-as. Juntos, esses efeitos ajudam a reduzir dores variadas, inclusive as de cunho muscular.

Diminui os sintomas da TPM

Para as mulheres, a tensão pré-menstrual é, muitas vezes, um verdadeiro tormento. O tratamento regular com óleos essenciais também pode colaborar para a redução de sintomas como a irritabilidade, o cansaço e também as temidas cólicas menstruais.

Deixa a pele muito mais bonita

Alguns óleos essenciais podem ser utilizados topicamente, ou seja, podem ser aplicados na pele. Um caso famoso é o óleo de melaleuca (tea tree) ou o de semente de uva, que têm ótimos efeitos contra a acne, oleosidade e também anti-idade.

Quais são os óleos mais comumente utilizados?

Gostou de conhecer as vantagens da aromaterapia para a nossa saúde física e emocional? Agora, confira os óleos mais comumente utilizados nessa prática e as suas indicações mais comuns:

  • lavanda (insônia, estresse, dores musculares);
  • eucalipto (tratamento de acne, queimaduras, picadas de inseto, ótimo para a concentração e respiração);
  • camomila (efeito calmante, anti alérgico, analgésico);
  • limão (efeito anti-infeccioso);
  • hortelã (tem efeito vasodilatador e ajuda na redução de dores e inflamações);
  • laranja (potencializa a criatividade);
  • gerânio (excelente para mulheres, ajuda na diminuição de cólicas e sintomas da TPM);
  • melaleuca (ótimo bactericida, reduz os problemas com a acne e fungos);
  • canela (ajuda a equilibrar o sistema respiratório).

Como podemos ver, a aromaterapia é uma estratégia revolucionária para a nossa saúde. Muito simples e fácil de ser feita, ela atua no equilíbrio dos estados físicos e psicológicos de nosso corpo, nos auxiliando na busca por mais qualidade de vida e bem-estar. O que você está esperando? Comece o quanto antes a obter todos os benefícios dessa prática.

Gostou deste artigo? Então, que tal ficar por dentro de outros posts como esse? Para recebê-los em primeiríssima mão (e também ficar bem informado sobre outros temas relativos à saúde e qualidade de vida), basta curtir a nossa página no Facebook!

Posts relacionados

Deixe uma resposta